Muitas cores e alegria no tradicional “Día de los muertos”

Escrito por juliana.motta. 6 de novembro de 2019, às 23:55

No México o dia de finados (02/11) é celebrado com cores, comida e festa. A tradição denominada “El día de los muertos” é considerada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como patrimônio da humanidade. A tradição mexicana revela como os diferentes países lidam com a morte de maneira diversificada.

No IFC Campus Videira tradicionalmente o mês de novembro é marcado pela realização da atividade “Día de los muertos”, evento organizado para articular o conhecimento em Língua Espanhola com ricos detalhes da cultura mexicana, como a arte, a gastronomia, a música e as tradições envolvendo homenagens aos entes queridos que já partiram.

Os mexicanos consideram que a festa deve ser alegre, contemplando elementos decorativos e gastronômicos apreciados pelos entes que já se foram. Um destes elementos é a “La Catrina”, uma caveira colorida que faz parte do folclore mexicano. Por isso é comum as pessoas se fantasiarem de caveira, caprichando no vestuário e na maquiagem fúnebre.

Neste ano as 16 turmas de Ensino Médio Integrado participaram da atividade, realizada na quarta-feira (06/11). Eles produziram um altar decorado, pintaram-se e vestiram-se a caráter. Fizeram comidas típicas da cultura mexicana, realizaram apresentações de dança e desfilaram para o público de servidores presentes. Também produziram as famosas “pinhadas” – bolas recheadas com balas e doces e decoradas com papel crepom.

El Día De Los Muertos 2019

Flickr Album Gallery Powered By: WP Frank

Texto e fotos: Juliana B. Motta Peretti – Cecom/Videira